O que é inteligência artificial e como essa tecnologia está transformando o turismo?

Publicado em 23 de junho de 2021

Robôs com algumas capacidades humanas cognitivas, como entender, aprender e reproduzir comandos, são estudados no mundo todo há anos e cada vez mais se tornam realidade.

Hoje, organizações que querem se manter competitivas, precisam entender e aplicar as novas tecnologias para entregar experiências valiosas para os clientes e conseguir a agilidade que a era digital demanda. 

Vale lembrar que Inteligência Artificial não é um termo novo. Palavras como robôs começaram a ser usadas no cinema na década de 1920 e cerca de 30 anos depois, técnicas chamadas de “estruturas de raciocínios artificiais”, baseadas em cálculos matemáticos que imitavam o cérebro humano, começavam a aparecer no desenvolvimento dos primeiros computadores. 

De lá para cá muita coisa aconteceu, dentre elas o surgimento das então IAs que se tornaram a principal forma de inovação no mundo organizacional. Hoje, as ferramentas dominam processos de atendimento, captação de dados, treinamentos, marketing, relatórios, monitoramento e muito mais!

Agora, imagina todos esses recursos atrelados ao segmento de turismo? Vamos explicar isso daqui a pouco.  

Exemplos do uso de Inteligência Artificial 

Processos de Análise 

O principal combustível de uma I.A são os dados. Com a internet, conseguir informações sobre o público que procura, compra ou interage com a sua marca é mais fácil e a administração desses dados geralmente é feita por inteligência artificial. 

Algumas ferramentas conseguem cruzar informações para emitir relatórios, gráficos ou facilitar a busca por segmentações de público, tudo sem a necessidade de intervenção humana. Apenas cumprindo uma programação prévia. 

Estratégias Comerciais

Você provavelmente já recebeu mensagens de feliz aniversário, algum lembrete ou cupom pelo Whatsapp ou por e-mail, sem estar esperando ou ter pedido por isso, certo? O que antes demandava tempo e era considerado inviável, acompanhar as jornadas dos clientes de forma personalizada, hoje é possível com as I.A’s. 

Seja para envio de promoções ou somente para manter o relacionamento com o cliente ativo, o disparo desse tipo de mensagem é extremamente importante para as estratégias de marketing e trazem resultados incríveis.  

Experiências 

Algumas empresas utilizam essas tecnologias para facilitar a vida do cliente, personalizar a entrega do produto e dar independência para alguns processos da compra. Tudo isso economiza o tempo do colaborador e, consequentemente, possibilita que a equipe humana se concentre em outras etapas da jornada, proporcionando uma experiência muito melhor para o cliente. 

A personalização e humanização é uma característica marcante do marketing 4.0, exigida principalmente pelos Millenials. Funciona assim: a empresa que se dedica a entregar uma experiência mais íntima, consegue converter esse novo público em clientes muito fiéis e até defensores da marca. 

A transformação no turismo 

O turismo é um dos maiores mercados nacionais, representando mais de 8% da economia brasileira de acordo com o último censo. Até 2018, por oito anos consecutivos esse setor permaneceu em crescimento e, apesar da baixa na pandemia, as expectativas são de retomada, em médio prazo.  

Considerando a relevância da área, as inteligências artificiais e outras tecnologias vêm para agregar e construir relações ainda mais forte entre companhias aéreas, redes hoteleiras, agências de viagens, destinos e viajantes, de múltiplas formas.  

O Diretor de Inovação de Tecnologia da Belvitur, Eduardo Junqueira, afirma que as IAs geram ganhos para o público interno e externo e, por isso, no último ano, os processos de adaptação da holding para esse novo cenário foi acelerado. 

Ao todo, a empresa investiu em aproximadamente 16 plataformas de tecnologia, dentre elas, um chatbot capaz de atender clientes, dar dicas sobre viagens, indicar destinos, enviar promoções e captar dados. “A Belvitur buscou uma solução avançada que une várias fontes de dados e consegue cruzar essas informações, analisar e transformar tudo isso em insights inteligentes, em respostas”, explica.  

Dentre todas as vantagens da nova assistente digital, o ganho interno também foi significativo. Afinal, a empresa agregou ao produto agilidade, performance, padronização dos canais de contato com o cliente, ao mesmo tempo que conseguiu reduzir atividades básicas de rotinas não tão relevantes, antes executadas pelos especialistas humanos que agora dedicam mais tempo à conversão, vendas e solução. 

“O cliente agora tem independência e é atendido de forma personalizada, no seu tempo, 24 horas por dia nos 7 dias da semana. Ele consegue tirar dúvidas, receber informações realmente necessárias para melhorar a sua jornada de compra e a viagem”, conta Junqueira. 

A Bel 

A Bel, assistente digital da Belvitur, já está no ar!

Desde o início de 2021, o time de especialistas da empresa está engajado em criar e programar a inteligência artificial, em parceria com a Guide 121. 

A mais nova integrante é uma assistente de viagens que consegue realizar os primeiros processos do atendimento, tirar dúvidas, dar dicas de destinos, de hospedagem, mostrar oportunidades para viajar, dar assistência nos processos de compra e ajudar durante e depois da viagem.  

Essa e outras iniciativas da Belvitur para trazer tecnologia e agilidade ao turismo, no momento, estão sendo testadas para o público de lazer. Mas vale lembrar que a projeção é para que em breve a Bel possa ser conectada também a jornada do cliente corporativo. 

Para fazer um teste é só mandar um “oi” no Whatsapp da IA pelo número (31) 3195-9090. A Bel vai amar te atender!